Fundasp: advogada da Consultoria Jurídica assume Setor de Integridade

por Redação | 30/01/2019 - 00h

A advogada Karolina Maier acaba de assumir o Setor de Integridade da Fundação São Paulo, mantenedora da PUC-SP. A área tem como função promover mecanismos que desenvolvam e adequem os processos internos de trabalho às leis de conformidade e conduta ética, bem como realizar apurações, auditorias internas, identificação de riscos e treinamentos para ampla e efetiva divulgação do Programa de Integridade, no âmbito da mantenedora e de suas mantidas. Além disso, o setor irá ampliar a divulgação dos canais de denúncia para o registro de eventuais irregularidades. “Considerando especialmente a natureza da Fundasp, é extremamente importante a implantação de sistemas para garantir que todos os processos internos estejam alinhados com as boas práticas e cumpram as normas com transparência”, afirma a advogada.

Criado em abril de 2018, o Setor de Integridade trabalha em conjunto com as Ouvidorias da Fundação São Paulo, da Universidade e do Hospital Santa Lucinda, canais seguros e confiáveis para identificação de má-conduta, irregularidades e suspeita de fraude, possibilitando a apuração por parte da mantenedora, como destaca a advogada.

Segundo Karolina Maier, o setor é fundamental para que a Fundação São Paulo atue de acordo com a legislação. “Com a crescente elaboração de normas que impõem às empresas uma atuação mais ética e transparente, em estrita conformidade com as leis, é extremamente importante que se estruture um programa de compliance e auditorias internas, implementando pilares para um efetivo acompanhamento dos procedimentos, o que será conduzido pelo Setor de Integridade, junto às áreas internas da mantenedora e suas mantidas, em observância especial à Lei de Anticorrupção e demais regramentos de atuação e conduta”.

Karolina explica como será a atuação junto ao Tribunal de Contas do Município, Tribunal de Contas da União e Controladoria Geral da União. “Haverá aproximação da entidade com toda a parametrização dos órgãos, de modo que para os processos internos serão consideradas as diretrizes dos organismos. Logo, diante do posicionamento de tais órgãos quanto à integridade das empresas, a Fundasp ampliará a aplicação das orientações de boas práticas e o entendimento para cumprimento das leis, a fim de que toda a estrutura corporativa tenha como pilar a conformidade dos processos”.

Formada em Direito, com especialização em Direito Tributário e Empresarial, a advogada Karolina Maier foi consultora jurídica da Fundasp de 2014 a janeiro de 2019, atuou em escritórios de advocacia, em setores cíveis e tributários, com teses diversificadas. Atualmente, realiza cursos sobre Compliance e Gestão de Compliance no Insper. “Espero contribuir com meu conhecimento e ter êxito na evolução do setor, com a implantação de um programa que ateste e reafirme o compromisso idôneo da Fundação São Paulo, para que todo o coletivo esteja integrado com a missão e valores da entidade, refletindo na cultura organizacional”.

 

PARA PESQUISAR, DIGITE ABAIXO E TECLE ENTER.