Curso de Medicina é acreditado pela ARCU-SUL

Sistema de acreditação é resultado de um acordo entre os Ministros da Educação da Argentina, Brasil, Paraguai, Uruguai, Bolívia e Chile

por Redação | 14/11/2019 - 00h

O curso de Medicina da PUC-SP, desenvolvido na Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde (FCMS), campus Sorocaba, recebeu o certificado de acreditação do Sistema ARCU-SUL (Acreditação Regional de Cursos Universitários Mercosul), gerenciado pela Rede de Agências Nacionais de Acreditação do Setor Educacional do Mercosul – este, formado pela Argentina, Brasil, Paraguai, Uruguai, Bolívia, Chile e Colômbia.

Segundo o diretor da FCMS, professor Luiz Ferraz de Sampaio Neto, a qualificação atende às metas estabelecidas pela atual Reitoria. “Essa importante chancela representa um passo em direção à internacionalização do curso, uma das metas determinadas pela reitora Maria Amália Andery para a Universidade. Ela também compõe, junto à recente avaliação do curso pelo MEC, mais um qualificador da excelência do curso de Medicina desenvolvido em Sorocaba.”

Anteriormente, o curso de Enfermagem já havia obtido essa certificação, tornando-se, na ocasião, o primeiro de uma instituição de ensino superior brasileira privada a obter tal conquista no ARCU-SUL. Em todo o país, apenas cinco graduações em Enfermagem possuem a acreditação.

A coordenadora do curso de Medicina, professora Maria Helena Senger, explica que a acreditação é extraordinariamente benéfica, pois só é concedida após visita in loco e sob o crivo de profissionais extremamente gabaritados, que avaliam todo o material documental do corpo docente, a parte física, os campos de estágio, entre outros pontos.

A acreditação pela ARCU-SUL permite uma maior mobilidade acadêmica dos alunos no âmbito do Mercosul. “A conquista nos deixa muito felizes. Queremos dividir este sentimento com a sociedade”, diz Maria Helena.

O ARCU-SUL agrega os países membros do Mercosul em relação à acreditação de cursos superiores das áreas de Agronomia, Arquitetura, Enfermagem, Engenharia, Medicina, Odontologia e Veterinária. Ele nasceu a partir de um acordo estabelecido entre os ministros da Educação da Argentina, Brasil, Paraguai, Uruguai, Bolívia, Chile e Colômbia, e foi homologado pelo Conselho do Mercado Comum do Mercosul em 2008.

O Sistema respeita as legislações de cada país e a autonomia das instituições universitárias, e considera em seus processos apenas cursos de graduação que tenham reconhecimento oficial em seu país e com os já graduados.

O Sistema ARCU-SUL oferece garantia pública, entre os países da região, do nível acadêmico e científico dos cursos. O nível acadêmico será estabelecido conforme critérios e perfis tanto ou mais exigentes que os aplicados pelos países em seus âmbitos nacionais análogos.

 

PARA PESQUISAR, DIGITE ABAIXO E TECLE ENTER.