Michel Prieur: prof. alerta para retrocessos jurídicos e políticos em matéria ambiental

Docente francês destacou ainda a relevância de se inserir a tutela do meio ambiente no âmbito do sistema internacional de Direitos Humanos

por Redação | 24/06/2019 - 00h

Por Clarissa Ferreira Macedo D’Isep

O prof. Michel Prieur, da Universidade de Limoges (França), esteve na PUC-SP dia 11/6 para apresentar a aula magna Pacto Global para o Meio Ambiente, projeto de tratado internacional encabeçado por diversos juristas franceses e que agora está em discussão no âmbito da Organização das Nações Unidas (ONU).

Durante o evento, o docente fez uma retrospectiva das principais Declarações e Convenções ambientais e destacou a relevância de se inserir a tutela do meio ambiente no âmbito do sistema internacional de Direitos Humanos, um dos principais objetivos do Pacto Global. Destacou, também, que o momento de discussão é marcado por diversos retrocessos jurídicos e políticos em matéria ambiental, o que torna imprescindível a formulação de um tratado internacional, com força vinculante para os Estados.

O evento foi organizado pelo Grupo de Pesquisa Direito e Sustentabilidade (GPDS) e pela profa. Dra. Clarissa Ferreira Macedo D’Isep, que compôs a mesa junto com o prof. Pedro Javier Aguerre Hughes, da Pró Reitoria de Cultura e Relações Comunitárias da PUC-SP.

Na entrada do auditório, o professor francês foi recepcionado por diversos alunos da graduação em Direito, que participaram do projeto “Imagens e Desenhos Jurídicos: um olhar para os ODS”. Os alunos utilizaram imagens para ilustrar a complexidade dos Objetivos da Agenda 2030 da ONU, em seus aspectos éticos, sociais, ambientais e econômicos.

O evento contou com ampla participação dos alunos de graduação e professores convidados, especialmente os docentes do Núcleo de Direitos Difusos e Coletivos da pós-graduação em Direito.

Confira a íntegra do evento na página de youtube da TVPUC e acompanhe pelas redes sociais do GPDS | PUC-SP (@direitoesustentabilidade). Clique aqui e leia também reportagem com o professor, publicada na revista Veja.

PARA PESQUISAR, DIGITE ABAIXO E TECLE ENTER.