Estudantes de Medicina são premiados em simpósio internacional

Evento foi promovido pela Sociedade Brasileira de Neurocirurgia, com o apoio da Associação dos Neurocirurgiões do Estado de São Paulo e da Academia Brasileira de Neurocirurgia

por Redação | 04/09/2019 - 00h

Estudos produzidos por estudantes do curso de Medicina foram premiados durante o 2º Simpósio “Novas Tendências em Epilepsia, Dor e Movimentos Anormais”, promovido pela Sociedade Brasileira de Neurocirurgia, com o apoio da Associação dos Neurocirurgiões do Estado de São Paulo e da Academia Brasileira de Neurocirurgia. O evento aconteceu entre 21 e 24 de agosto, na cidade de São Paulo.

Durante o evento, os acadêmicos Aurélio Lourenço Diniz (5º ano), Carolina Simão Martini (3º), Caroline Pacheco (1º), Flávia Franchin (2º), Jéssica Moraes de Souza (1º), Maria Eduarda Rebolho (4º) e Nadjila Sidani (3º) foram acompanhados pelo professor Paulo Henrique Aguiar, da área de Neurologia. “Outras escolas médicas do país também participaram. Os nossos alunos foram premiados em quase todas as categorias, após seus trabalhos terem sido submetidos às bancas compostas por avaliadores externos ao simpósio”, destaca o docente.

O evento também contou com a participação de convidados internacionais, como Antonio Santoro, MD da Sapienza University of Rome, da Itália; Jibril Osman Farah, MD do Walton Centre NHS Foundation Trust, de Liverpool, Inglaterra; e Aria Fallah, MD e MS do Ronald Reagan UCLA Medical Center, de Santa Mônica, EUA. 

O último dia do simpósio foi reservado aos estudos produzidos pelos acadêmicos. A comissão julgadora foi composta por Sérgio Listik, Tatiana Alves Vilasboas e Cynthia Perocco Buske.

O Prêmio Raul Marino, para o melhor pôster, foi conferido a Carolina Martini, com o tema Neurofisiologia do Accumbers. Nadjila Sidani foi premiada na categoria de miniconferências. Já o prêmio de Melhor Trabalho de Anatomia Antonio Santoro foi conquistado por Jéssica Souza, enquanto o de Neurocirurgia Funcional Osvaldo Vilela Filho foi para Flávia Franchini. Maria Eduarda Rebolho conquistou o Prêmio de Neurologia. O estudante Aurélio Diniz obteve menção honrosa de Melhor Trabalho Apresentado.

 

*Legenda da foto: Prof. Paulo Henrique de Aguiar e a estudante Caroline Pacheco

PARA PESQUISAR, DIGITE ABAIXO E TECLE ENTER.